Pesca embarcada em Setúbal

... para pescadores, caçadores e outros mentirosos
Avatar do Utilizador
RuiMatias
Mensagens: 91
Registado: segunda jan 17, 2011 8:23 pm

Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por RuiMatias » sábado ago 27, 2011 1:13 am

Olá a todos.
Não sou um pescador experiente, antes pelo contrário.
O ano passado em dezembro fui fazer a minha primeira pesca embarcada no Cruzeiro do Sul.
Dia gelado (para quem já não se lembra do Inverno que tivemos), eu e mais 3 amigos.
Íamos preencher umas vagas que tinham sobrado, além do que percebi que a excepção de nós os 4, ninguem "ia" com ninguém.
A parte mais chata foi mesmo de madrugada com as mãos a congelar, ter de abrir as bombocas para quando chegássemos ao pesqueiro fosse sempre a aviar cartucho, ou melhor, isco. Chegando ao local toca a pescar!!!
Calhou me uma parte lateral do barco, que até nem foi mau porque o mar estava calmo e dava para me encostar. Isco na agua e eu nada. Ao meu lado estava o "piloto" do barco (eu sei que existe um nome para tal função mas eu não sei), que tambem estava a pescar com camarão. Olhar para ele era deprimente. Sempre a tirar sargos valentes e eu nada. Depois lá fui tirando um peixinho e outro já o meu vizinho tinha meio balde. Até que ele se apercebeu que eu estava com anzois muito grandes e linha tambem muito grossa. Virou se para mim e - Toma lá uma pesca das minhas - que eu aceitei com agrado. Foi o meu momento de glória, até entre os meus amigos, porque eu era o mais maçarico. Aquilo é que foi tirar peixe. Até que um estralho se estragava, um anzol ficava na boca do peixe etc... até ficar com a pesca "mágica" cheia de remendos. Ainda apareceram os charrocos que só vieram atrapalhar. Conclusão, um dia bem passado com a ajuda do vizinho. Nada a apontar. Apenas os nervosismos dos outros pescadores que se não apanhassem nada durante 1 minuto já tinhamos que mudar de sitio... Experiencia claramente positiva.

Passados uns meses fui fazer novamente uma embarcada tambem em Setúbal num barco do amigo do primo do Sandro que é afilhado etc...
Um esquema do género...
Lá fui eu. O nome do barco não me lembro mas quando o vir eu digo.
Desta vez o barco era consideravelmente mais pequeno e desta vez estava em "casa" tudo malta amiga na palhaçada e apanhar uns peixes.
Ainda nem tinhamos passado a foz do Sado já estava a ver o filme.
O gajo do barco e os seus amigos a beberem minis e água com elas.
Às primeiras não disse nada... Mas passadas algumas comecei eu e outro rapaz a dizer - amigo, não mande para a água que qualquer dia só apanhamos peixe-garrafa - a qual desprezaram totalmente. Qualquer coisa que fosse lixo, agua era o seu destino. Até que eu dei por mim a recolher lixo à frente daqueles gajos para não ir para o mar. Ao menos o meu saco não ia para o mar. Basicamente o ambiente azedou um pouco.
Experiencia nada positiva.
Para além de que a pesca tambem foi pessima.
Em 8 pessoas só eu e mais 2 é que não "engodámos". Vento forte, ondulação alta. Péssimo em todos os aspectos, mas para mim o que mais me lixou foi o lixo que foi para dentro de agua.
Acho incompreensivel pessoas que dependem do mar para viver ter este tipo de atitude...
Enfim
Duas saídas, duas histórias. Uma boa e uma má.



Avatar do Utilizador
brunoahc
Mensagens: 555
Registado: domingo jun 26, 2011 7:45 pm

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por brunoahc » sábado ago 27, 2011 7:55 am

bom relato :fixe:

o "piloto" é o contramestre :fixe:

quanto aos javardos do lixo tens toda a razão(assim é que é) :fixe: eles que vão pó car*lh** e morram longe pa não cheirar mal :grrr: :grrr: :grrr: :grrr:

muito boa atitude isso quer é continuação que com o tempo ganhas mais experiencia e ai é sempre a dar :fixe:

Avatar do Utilizador
TALIBAN
Utilizador Regular
Mensagens: 11504
Registado: sexta abr 10, 2009 10:25 am

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por TALIBAN » sábado ago 27, 2011 8:20 am

Boas pescarias.

Sobre a tua primeira experiência, nada a apontar, vieste contente, com peixe, boa camaradagem, (até te deram umas montagens, para pescares melhor) e bom ambiente, (excepto quererem estar sempre a mudar de pesqueiro e não gosto, muitas vezes ainda nem está feito o pesqueiro e já querem fazer outra poitada, eu também sou contra).

Sobre a segunda experiência só posso lamentar a atitude de determinados indivíduos, mas quando a cabeça não tem juízo o corpo é que paga, mas infelizmente será o corpo de todos nós, que directa ou indirectamente irá pagar, mantem essa atitude, mesmo que eles resmunguem, continua a apanhar o lixo, pode ser que consigas demover alguns, pelo menos nesse dia.

Deves reter com é óbvio, a tua primeira pesca embarcada e a segunda apagares do teu disco rigído, a todos os níveis.

Abraço.

Braga.

Avatar do Utilizador
N Moreira
Mensagens: 183
Registado: segunda jan 17, 2011 3:04 pm

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por N Moreira » segunda ago 29, 2011 10:24 am

boas parabens pelas tuas experiencias :D

realmente a questão do lixo ja vi passar-se na minha frente, e digo-te não vale a pena comprar guerras num dia como o da pesca. por muito que tu e eu queiramos não vamos conseguir mudar a forma de pensar desses calhaos com olhos .
passa a frente disso e retem apenas os momentos boms da pesca tal como foi a tua primeira.

relativamente a primeira fico contente pela tua boa experiencia, e vem de encontro ao que eu penso que é o seguinte:

é frequente vir aqui ao forum e ver malta com pouca ou nehuma experiencia neste tipo de pesca a preguntar por material cana e carreto muitas vezes topos de gama ou perto disso que custão muitos euros etc...

e um gajo responde épa experimenta primeiro o dos teus amigos etc.... a conversa do costume.

na embarcada o que pesca não é o material, é o pescador.

podes ter um material top de gama que não vaii pescar por ti, quem pesca es tu, claro que se tiveres material de top vais ter uma acção de pesca mais fcilitada mas ainda assim quem tem que ferrar o peixe es tu.

depois as montagems e dai vir mais uma lição desta historia, nesse dia podias ter uma cana e carreto de top, não sei se era o caso, mas viste que aquilo que fazia a diferença era a montagem a forma como estava feita e materiais utilizados.

quantas e quantas vezes eu saio e mebarcadas e vejos gajos a pescar com canas de top e grandes carretos, a pescar com montagems de compra que nem fluorocarbono são e fios com diametros que o peixe ate abala e depois dizem ao mestre vamos mudar de sitio isto aqui so da é bogas e cavalas, vamos mudar , vamos embora.

vale mais saberes fazer as tuas montagems e gastar dinheiro em boms fios de varios diametros e boms anzois, que derreter dinheiro a maluca em canas e carretos.

ja agora e não ficas-te com a montagems ainda que toda estragada para fazeres em casa igual ?



Avatar do Utilizador
RuiMatias
Mensagens: 91
Registado: segunda jan 17, 2011 8:23 pm

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por RuiMatias » quarta ago 31, 2011 4:39 pm

N Moreira Escreveu:boas parabens pelas tuas experiencias :D

realmente a questão do lixo ja vi passar-se na minha frente, e digo-te não vale a pena comprar guerras num dia como o da pesca. por muito que tu e eu queiramos não vamos conseguir mudar a forma de pensar desses calhaos com olhos .
passa a frente disso e retem apenas os momentos boms da pesca tal como foi a tua primeira.

relativamente a primeira fico contente pela tua boa experiencia, e vem de encontro ao que eu penso que é o seguinte:

é frequente vir aqui ao forum e ver malta com pouca ou nehuma experiencia neste tipo de pesca a preguntar por material cana e carreto muitas vezes topos de gama ou perto disso que custão muitos euros etc...

e um gajo responde épa experimenta primeiro o dos teus amigos etc.... a conversa do costume.

na embarcada o que pesca não é o material, é o pescador.

podes ter um material top de gama que não vaii pescar por ti, quem pesca es tu, claro que se tiveres material de top vais ter uma acção de pesca mais fcilitada mas ainda assim quem tem que ferrar o peixe es tu.

depois as montagems e dai vir mais uma lição desta historia, nesse dia podias ter uma cana e carreto de top, não sei se era o caso, mas viste que aquilo que fazia a diferença era a montagem a forma como estava feita e materiais utilizados.

quantas e quantas vezes eu saio e mebarcadas e vejos gajos a pescar com canas de top e grandes carretos, a pescar com montagems de compra que nem fluorocarbono são e fios com diametros que o peixe ate abala e depois dizem ao mestre vamos mudar de sitio isto aqui so da é bogas e cavalas, vamos mudar , vamos embora.

vale mais saberes fazer as tuas montagems e gastar dinheiro em boms fios de varios diametros e boms anzois, que derreter dinheiro a maluca em canas e carretos.

ja agora e não ficas-te com a montagems ainda que toda estragada para fazeres em casa igual ?


Mas é triste ver "pessoas do mar" como se auto intitulam a fazer essa "borrada".
O material que tinha na altura era um carreto de 18euros e uma cana minuscula e rija que me foi emprestada. Das duas vezes fui com a mesma cana. mas como na segunda vez o mar estava muito mais mexido, a cana por ser muito rija as Pescas no fundo deviam balançar muito tambem. A montagem já fiz igual ;) não me podia escapar aquela pesca magnifica.

Abraços

Avatar do Utilizador
Rider
Utilizador Regular
Mensagens: 3331
Registado: quinta set 16, 2010 5:06 pm

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por Rider » quarta ago 31, 2011 5:10 pm

Muito bom relato, quer é continuação.

Quanto ao lixo, essa gente não pensa que é o futuro que está em causa. Na praia que costumo frequentar a quantidade e variedade de lixo que a maré trás e impressionante, e que a maior parte fica na praia.

Avatar do Utilizador
N Moreira
Mensagens: 183
Registado: segunda jan 17, 2011 3:04 pm

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por N Moreira » quinta set 01, 2011 1:33 pm

boas
"a cana por ser muito rija as Pescas no fundo deviam balançar muito tambem." (Rui Matias)

so uma dica

o facto de a cana ser rija, nao é por ai, tu é que tems que com o braço compensar a vaga.
quando a vaga vem tu baixas e quando a vaga vai tu levantas, de modo que a linha estaja sempre esticada mas sem mecher a chumbada e a ponteira sem estar dobrada, que é para tu veres os toques, porque se a ponteira estiver muito dobrada nao vais ver toques nenhums.

pois canas de 18 euros, sim precisavas de uma coisa melhor.

:fixe:

Avatar do Utilizador
RuiMatias
Mensagens: 91
Registado: segunda jan 17, 2011 8:23 pm

Re: Pesca embarcada em Setúbal

Mensagem por RuiMatias » quinta set 01, 2011 1:51 pm

N Moreira Escreveu:boas
"a cana por ser muito rija as Pescas no fundo deviam balançar muito tambem." (Rui Matias)

so uma dica

o facto de a cana ser rija, nao é por ai, tu é que tems que com o braço compensar a vaga.
quando a vaga vem tu baixas e quando a vaga vai tu levantas, de modo que a linha estaja sempre esticada mas sem mecher a chumbada e a ponteira sem estar dobrada, que é para tu veres os toques, porque se a ponteira estiver muito dobrada nao vais ver toques nenhums.

pois canas de 18 euros, sim precisavas de uma coisa melhor.

:fixe:

O carreto era de 18euros, a cana era emprestada mas custava mais de certeza. Naquele dia as vagas estavam grandes e compensar a vaga era bastante complicado... Eu bem que tentava... Mas a minha má disposição (quase a vomitar) tambem não ajudou.



Responder