DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Avatar do Utilizador
cezar
Mensagens: 57
Registado: segunda out 27, 2008 12:10 pm

DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por cezar » sexta jul 03, 2009 9:46 pm

:olaaa: Gostava de saber se existe alguém aqui pelo fórum com uma cana destas e dar-me a sua opinião se será uma boa opção para fazer lançamentos groundcast,neste modelo da Daiwa existem tem tipos a 30,33,35,gostava de saber a diferença entre elas e qual a mais matadora,queria uma cana algo sensível,não queria um pau só para fazer lançamentos compridos.Abraço



Avatar do Utilizador
Ramiro
Utilizador Regular
Mensagens: 6148
Registado: sexta out 01, 2004 11:00 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por Ramiro » sábado jul 04, 2009 11:48 am

É um dos topos de gama da Daiwa.

O modelo mais sensível é o 30.

Avatar do Utilizador
cezar
Mensagens: 57
Registado: segunda out 27, 2008 12:10 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por cezar » sábado jul 04, 2009 4:53 pm

Obrigado ramiro pela resposta. Não tenho duvidas que deve ser uma grande cana mas acham que vale a pena o preço em comparação por exemplo com um híbrido da abu garcia que fica por menos metade do preço desse topo de gama da daiwa por exemplo a abu garcia stealth power? Não se estara a comprar um ferrari quando se pode comprar um bmw? quero dizer com isto que com a diferença de preços valerá o material que compramos ou será só os acabamentos e o aspecto visual e marca que valoriza a cana.Estou encantado com ambas as canas a pouco tempo não tive foi oportunidade de experimentar nenhuma comprei uma shimano aero xtr e estou bastante satisfeito com ela e andava a namorar esta daiwa tournament caster para fazer companhia a outra na praia a algum tempo mais inclinado para a gama (33) que é um pouco mais leve que a minha shimano, no inicio de pesca a minha shimano torna-se facil dominar e alcançar boas distâncias mais para o fim da pesca ja se torna mais díficil dominar o bicho torna-se cansativa devido ao peso as canas que falo são canas mais leves cerca de 100g a abugarcia e 200g na daiwa gostava de opiniões do pessoal antes de fazer qualquer investimento,uma das questões fundamentais tb é a sensibilidade.
Se souberem de alguma opção melhor em relação as duas proponham.abraço.
Sei que nao devia estar a comparar um topo de gama com uma cana de gama media/alta digam qq
Última edição por cezar em sábado jul 04, 2009 10:20 pm, editado 1 vez no total.

Avatar do Utilizador
Ramiro
Utilizador Regular
Mensagens: 6148
Registado: sexta out 01, 2004 11:00 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por Ramiro » sábado jul 04, 2009 10:08 pm

Não posso dar opinião sobre a Daiwa em acção de pesca e o que eu disse anteriormente é apenas a informação disponibilizada pela marca.
Ultimamente não tenho testado outras canas e só tenho pescado com as minhas 2 Shimano Power Aero Xt (1º modelo) com 2 ponteiras cada. Não são propriamente leves (comparando com outras canas que existem por aí), e não utilizo os contrapesos que se podem colocar no taco das canas, mas sei que posso confiar nelas, pois conheço-as como a palma das minhas mãos. Uso as ponteiras (3º elemento) mais sensíveis nesta época de Verão, em que o peixe abeira mais perto e é preciso termos mais noção de toques mais "finos" e imperceptíveis. As ponteiras mais duras utilizo-as de Inverno ou quando quero/preciso lançar um pouco mais longe.
Com isto tudo quero apenas dizer que, para quem faça surfcasting e use 2 canas, aconselho a pescar com 2 canas iguais. Evita assim ter de adoptar comportamentos e acções diferentes conforme a cana que tem nas mãos, sob pena de nunca trabalhar a 100% com nenhuma delas.
Quando dizes que queres lançar mais, gostava de saber (mais ou menos) o que esperas alcançar? E o que andas a alcançar neste momento, em termos de distância?



Avatar do Utilizador
cezar
Mensagens: 57
Registado: segunda out 27, 2008 12:10 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por cezar » sábado jul 04, 2009 10:34 pm

Ando a lançar cerca de 120 metros no inicio de pesca dependendo do vento e da chumbada tenho o carreto ultegra xsa com bobine com linha da leoni 0,23mm/47mm bobine conica tenho essa noção da distância porque a linha e de cores e a cada 25 metros muda sendo os ultimos 20 metros o diametro mais grosso,gostava de atingir a barreira dos 160 metros ou mais para a pesca se tornar mais versatil nem sempre temos o peixe debaixo dos nossos pés...
Obrigado pela disponibilidade sr ramiro :fixe:

Avatar do Utilizador
Ramiro
Utilizador Regular
Mensagens: 6148
Registado: sexta out 01, 2004 11:00 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por Ramiro » segunda jul 06, 2009 4:59 pm

cezar Escreveu:atingir a barreira dos 160 metros ou mais

Para atingir essas distâncias com iscos não será nada fácil. Claro que o tipo de isco também é importante mas mesmo assim será bastante difícil.
Talvez com um carreto de tambor e cana a condizer mas este material requer bastante treino para se manusear correctamente.

Avatar do Utilizador
cezar
Mensagens: 57
Registado: segunda out 27, 2008 12:10 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por cezar » segunda jul 06, 2009 10:53 pm

Tenho de experimentar baixar o diâmetro de linhas que tenho no carreto e aperfeiçoar o lançamento "grouncast" para ver o que faço,quando quero atingir o meu máximo só pesco com um anzol e normalmente o isco é minhocas parece me que consigo lançar melhor com chumbada de 130g,com iscos volumosos nem vale a pena tentar.

Avatar do Utilizador
Ramiro
Utilizador Regular
Mensagens: 6148
Registado: sexta out 01, 2004 11:00 pm

Re: DAIWA TOURNAMENT CASTER 425

Mensagem por Ramiro » terça jul 07, 2009 10:31 am

Pescando só com 1 anzol e utilizando iscos pouco volumosos já é uma vantagem para as grandes distâncias, mas ainda podes melhorar:
- Podes ainda usar um baitclip para segurar o estralho e iscada ao longo da madre, evitando que vá aos "trambolhões" pelo ar durante o lançamento, o que funciona com um elemento de atrito e portanto diminuindo a distância.
- Existem ainda umas chumbadas com uma cavidade onde podemos colocar o isco aconchegado com areia (portanto escondido) e quando caem na água libertam a iscada. Não me lembro do nome dessas chumbadas, mas recordo que são de origem francesa. Hei-de procurar lá nos meus "canhanhos" em casa e depois digo.



Responder